Sobre

Como  forma de resgatar os direitos fundamentais à privacidade e à liberdade  de expressão, a Oficina Antivigilância surgiu para enfrentar decisões  políticas e tecnológicas que têm tornado a sociedade cada vez mais  vigiada.

Para  tal, a Oficina Antivigilancia visa o fomento de uma rede informada  sobre ameaças e oportunidades de proteção à privacidade no contexto  atual de vigilâncias estatal, privada e comercial. Todas as ações levam  em conta que vivemos um momento crítico a esse respeito, sendo de  extrema importância acompanhamento e atuação permanentes, a fim de que sejam articuladas respostas informadas nos níveis nacional e regional, propondo alternativas que combatam práticas abusivas aos direitos humanos fundamentais.

Por  meio do nosso site, da realização de oficinas de segurança digital, da  participação em seminários, troca de informações e articulação entre  organizações da sociedade civil para participação em debates públicos,  criamos espaços abertos onde são colocadas em pauta as ferramentas e  tecnologias que visam proteger ou ameaçar a privacidade no mundo  digital, bem como discutimos as perspectivas legais no contexto político regional e internacional.

Indo na contramão das forças que nos violam, conduzimos nossas ações com base nos princípios de cultura e software livres, colaboração  permanente, segurança digital e direito à privacidade.

A  comunicação para a manutenção de uma rede que domine os debates sobre  privacidade está na essência deste projeto. Por isso, a  cada três meses é lançado o Boletim Antivigilância (para assinar, acesse o link), que  oferece análises e notícias sobre os debates que cercam o tema, jogando luz sobre práticas que se colocam como ameaças reais para a proteção da  privacidade nas esferas política e tecnológica. A publicação destaca ainda  iniciativas de comunidades e grupos que atuam pela antivigilância, inclusive arte-ativistas. A partir da edição 11, o boletim, que tinha  foco no Brasil, passou  a cobrir a América Latina, com colaboração de uma  rede ativa que pesquisa e discute a vigilância na região. Por isso,  ganhou também versão em espanhol (para assinar, acesse o link). O boletim é aberto à colaboração por meio de sugestões de  pautas que podem ser enviadas ao contato@antivigilancia.org

Além da publicação trimestral,  mantemos a Wiki Antivigilância, onde qualquer usuário pode se cadastrar e  criar páginas de conteúdos, atuamos  ativamente no perfil  @antivigilancia via Twitter, trazemos para este site conteúdos  relevantes e estamos  sempre  planejando oficinas e ações com membros e  parceiros. Publicamos  regulamente nesses espaços a programação de oficinas, assim como textos  originais, traduções e referências interessantes sobre vigilância  estatal e corporativa, links para download e conhecimentos sobre  ferramentas de criptografia e afins.

Equipe do Projeto
Coordenação: Joana Varon
Oficinas: Lucas Teixeira, Fernanda Shirakawa e Joana Varon
Comunicação: Larissa Ribeiro
Plano de Comunicação: Giulliana Bianconi

Equipe para produção do Boletim e Contéudo da Plataforma
Conselho Editorial do Boletim: Joana Varon, Lucas Teixeira, Luis Fernando García, Paz Peña, Raquel Rennó e Renata Ávila
Editoras do Boletim e da Plataforma: Joana Varon e Larissa Ribeiro
Traduções: Jorge Davidson (puntoycoma)

Plataforma
Programação: Lucas Teixeira e Fernanda Shirakawa
Design e Comunicação Visual: Beta Design e Giulliana Bianconi
Ilustrações: Juliana Mota

O  projeto é uma realização da Coding Rights e conta com o apoio da Global Partners Digital e da Fundação  Ford via Associação pelo Progresso das Comunicações – APC. A publicação do Boletim América Latina é feita em cooperaçao com a  ONG Derechos Digitales.

Contato

  • Oficina Antivigilância
    • E-mail: contato [arroba] antivigilancia [ponto] org
  • Joana Varon
    • E-mail: joana [arroba] varonferraz [ponto] com
    • Chave PGP – 239D E977 32D0 28BC 297F  64B6 3B69 BDE4 016B 8E73
  • Lucas Teixeira
    • E-mail: lucas [arroba] codingrights [ponto] org
    • Chave PGP – 62A8 4B74 4CA4 0AC1 E9F1  5371 9D0E FEF6 B587 3C39
  • Amarela
    • E-mail: amarela [arroba] riseup [ponto] net
    • Chave PGP – 9083 9FCD 8453 F09C 5983  2F42 350B 1821 E3DE BA25